FormatoInfo

Código QRPode voltar a realizar uma pesquisa feita anteriormente. Clique para aceder a lista.

    Código QR25904

Detalhe do registo

F10.JPG

SUPERCATEGORIA: Património de Telecomunicações

COLEÇÃO: Telegrafia Eléctrica

NÚM. INVENTÁRIO: T176

DENOMINAÇÃO: Telégrafo Bramão

TÍTULO: Telégrafo Morse Bramão

DESCRIÇÃO: Telégrafo de mesa, concebido por Cristiano Augusto Bramão e construído por Maximiano Augusto Herrmann. Apresenta inovação em relação ao telégrafo da época, nomeadamente o seu funcionamento no modo de corrente dupla, permitindo maior economia de tempo na transmissão e recepção. Permite ainda substancial economia no consumo de fita para o registo das mensagens em código Morse (pontos e traços) Telégrafo de formato rectangular trapezoidal em madeira de cor castanha, latão dourado, metal de cor cinzenta e vidro. Possui na face frontal, uma placa na qual se encontra identificado o modelo. Na face superior possui, do lado direito, uma bobine na qual se encontra enrolada uma fita de papel onde será impressa a mensagem telegráfica. Possui ainda, do mesmo lado, duas chaves de morse que funcionam em conjunto com um comutador manual. Ao centro e à esquerda possui, o mecanismo de relojoaria composto por um sistema mecânico de engrenagens em latão, cobre e metal. Na face posterior possui seis pernos para ligação de fios condutores identificados pelas letras "L", "T", "C", "Z.", "C." e "Z".

HISTÓRIA PEÇA: Telégrafo de mesa, concebido por Cristiano Augusto Bramão e construído por Maximiano Augusto Herrmann. Apresenta inovação em relação ao telégrafo da época, nomeadamente o seu funcionamento no modo de corrente dupla, permitindo maior economia de tempo na transmissão e recepção. Permite ainda substancial economia no consumo de fita para o registo das mensagens em código Morse (pontos e traços) « Este aparelho principou a ensaiar-se em Dezembro de 1872, entre Lisboa e Carcavelos, e em consequência odos bons resultados obtidos achavam-se, em Agôsto de 1874, dez destes aparelhos a funcionar regularmente nas estações principal de Lisboa, Porto, Coimbra e bom Sucesso», in BARROS, Guilhermino Augusto; FERREIRA, Godofredo; Memória HistóricaÀcerca da Telegrafia Electrica em Portugal, Notas e Aditamentos, p. LXXXIV Foi apresentado na Grande Exposição Universal de Paris de 1878 onde foi distinguido com um Diploma de Honra equivalente a uma Grande Medalha, in Idem, p.XCV e segs

MARCAS: Inscrição; Na face frontal: TYPO DE 1874 Na face superior, no mecanismo do centro: SYSTEMA BRAMÃO/HERRMANN N. 157 Na face superior, no mecanismo do lado esquerdo: HERRMANN

DIMENSÕES: 22 x 58 x 20,5 Centímetros

FABRICANTE: Oficinas de Instrumentos de Precisão de Maximiliano Augusto Herrmann

DATAÇÃO: 1874

AUTOR: HERRMANN, Maximiliano Augusto, 1832 - 1913Bramão, Cristiano Augusto, 1840 - 1881

BIBLIOGRAFIA: ANCIÃES, Alfredo Ramos - Investigação e Organização da Telegrafia do Museu dos CTT. Lisboa: Museu dos CTT (policopiado), 1988; BARROS, Guilhermino Augusto de; FERREIRA, Godofredo - Memória Histórica Acêrca da Telegrafia Eléctrica em Portugal. Lisboa: CTT, 1943; CTT/TLP - Bramão e Outros Inventores Portugueses no Museu dos CTT/TLP: Exposição Comemorativa do 1º Centenário do Telefone Bramão 1879-1979. Lisboa: Nova Lisboa Gráfica, Ldª, 1979; FERREIRA, Godofredo - Coisas e Loisas do Correio. Centenário da Inauguração do Telégrafo Eléctrico em Portugal - 1855 - 1955. Lisboa: CTT, 1955; MOURA, Fernando; Vários - Catálogo da Exposição "Cinco Séculos de Comunicações em Portugal". Lisboa: Fundação Portuguesa das Comunicações, 2005; 90; ROTHEN MR. - ... Bramão .... Berne: Journal Télégraphique, 25/1/1879

DATA CRIA: 17-11-2011

IMAGENS: F10.JPG

Adicionar à lista